O NAT

Network Address Translation. É um recurso que permite converter endereços da rede interna em endereços da Internet. O uso mais comum deste recurso é compartilhar a conexão com a Internet. O compartilhamento pode ser feito usando um PC com duas placas de rede, um modem ADSL com hub embutido, um roteador, etc.

Existem vários programas que permitem compartilhar a conexão usando o NAT, uma opção é o Internet Conection Sharing do Windows, mas existem proxys com recursos semelhantes, como por exemplo o Wingate. A vantagem destes sobre os proxys manuais é o fato da conexão ser quase totalmente transparente. Todos os PCs podem ser configurados para acessar diretamente a Internet, usando o servidor NAT como gateway, dispensando a configuração manual de proxy em cada programa.

O mais interessante é que o PC local enxerga apenas o servidor de conexão e fica invisível para todos os mais PCs da Internet, que novamente verá apenas o servidor e não os PCs da rede local. É por isso que o provedor de acesso não pode fazer nada para impedir que os usuários compartilhem a conexão via NAT, eles simplesmente não tem como obter nenhuma prova de que a conexão está sendo compartilhada.

Uma ideia sobre “O NAT

  1. Sandro

    Amigos por favor, preciso de ajuda.

    Eu tenho um tp-link wr 642g, estou com problemas para alterar o nat dele.

    eu uso o playestation 3 para jogar online e o mesmo acusa q meu nat é nat 3, sendo assim algumas funcionalidades online nao estao funcionando cmo deveriam, preciso mudar para nat 2 e nao consigo, sou leigo em routers, alguém pode me ajudar?

    abraços muito obrigado

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *